Você sabe o que são Saltos de Desenvolvimento?

*imagem ilustativa - E-book enviado em formato digital

Como estimular o desenvolvimento do seu bebê – 0 a 12 meses

A primeira infância, de zero a 6 anos, é um período muito importante para o desenvolvimento mental e emocional e de socialização da criança. É fundamental estimular o desenvolvimento do seu bebê nessa fase, para que ela tenha uma vida saudável e possa desenvolver-se bem na infância, na adolescência e na vida adulta.

Acompanhe o desenvolvimento da criança com o profissional de saúde. Se achar que algo não vai bem, não deixe de alertá-lo para que possa examiná-la melhor.

Confira abaixo as nossas dicas de Como estimular o desenvolvimento do seu bebê do nascimento até 1 ano de idade.

Como estimular o desenvolvimento do seu bebê de do nascimento até 2 meses de idade

• Para que o bebê se desenvolva bem, é necessário, antes de tudo, que seja amado e desejado pela sua família e que esta tente compreender seus sentimentos e satisfazer suas necessidades. A ligação entre a mãe e o bebê é muito importante neste início de vida; por isso, deve ser fortalecida.
• Converse com o bebê, buscando contato visual (olhos nos olhos). Não tenha vergonha de falar com ele de forma carinhosa, aparentemente infantil. É desse modo que se iniciam as primeiras conversas. Lembre-se de que o bebê reconhece e se acalma com a voz da mãe. Nessa fase, o bebê se assusta quando ouve sons ou ruídos inesperados e altos.
• Preste atenção no choro do bebê. Ele chora de jeito diferente dependendo do que está sentindo: fome, frio/calor, dor, necessidade de aconchego.
• Estimule o bebê mostrando-lhe objetos coloridos a uma distância de mais ou menos 30cm.
• Para fortalecer os músculos do pescoço do bebê, deite-o com a barriga para baixo e chame sua atenção com brinquedos ou chamando por ele, estimulando-o a levantar a cabeça. Isto o ajudará a sustentá-la.

2 a 4 meses

• Brinque com o bebê conversando e olhando para ele.
• Ofereça objetos para ele pegar, tocar com as mãos.
• Coloque o bebê de bruços, apoiado nos seus braços, e brinque com ele, conversando ou mostrando-lhe brinquedos à sua frente.
• Observe que o bebê brinca com a voz e tenta “conversar”, falando “aaa, qqq, rrr”.

4 a 6 meses

• Ao oferecer algo para o bebê (comida, brinquedo etc.), espere um pouco para ver sua reação. Com isso, ele aprenderá a expressar aceitação, prazer e desconforto.
• Acostume o bebê a dormir mais à noite.
• Ofereça brinquedos a pequenas distâncias, dando a ele a chance de alcançá-los.
• Proporcione estímulos sonoros ao bebê, fora do seu alcance visual, para que ele tente localizar de onde vem o som, virando a cabeça.
• Estimule-o a rolar, mudando de posição (de barriga para baixo para barriga para cima). Use objetos e outros recursos (brinquedos, palmas etc.).

6 a 9 meses

• Dê atenção à criança demonstrando que está atento aos seus pedidos. Nesta idade, ela busca chamar a atenção das pessoas, procurando
agradá-las e obter a sua aprovação.
• Dê à criança brinquedos fáceis de segurar, para que ela treine passar de uma mão para a outra.
• Converse bastante com a criança, cante, use palavras que ela possa repetir (dadá, papá etc.). Ela também pode localizar de onde vem o som.
• Coloque a criança no chão (esteira, colchonete) estimulando-a a se sentar, se arrastar e engatinhar. 9 meses a 1 ano
• Brinque com a criança com músicas, fazendo gestos (bater palmas, dar tchau etc.), solicitando sua resposta.
• Coloque ao alcance da criança, sempre na presença de um adulto, objetos pequenos como tampinhas ou bolinha de papel pequena, para que ela possa apanhá -los, usando o movimento de pinça (dois dedinhos). Muito cuidado para que ela não coloque esses objetos na boca, no
nariz ou nos ouvidos.
• Converse com a criança e use livros com fi guras. Ela pode falar algumas palavras como (mamã, papá, dá) e entende ordens simples como “dar tchau”.
• Deixe a criança no chão para que ela possa levantar-se e andar se apoiando.

9 meses a 1 ano

• Brinque com a criança com músicas, fazendo gestos (bater palmas, dar tchau etc.), solicitando sua resposta.
• Coloque ao alcançe da criança, sempre na presença de um adulto, objetos pequenos como tampinhas ou bolinha de papel pequena, para que ela possa apanhá-los, usando o movimento de pinça (dois dedinhos). Muito cuidado para que ela não coloque esses objetos na boca, no
nariz ou nos ouvidos.
• Converse com a criança e use livros com fi guras. Ela pode falar algumas palavras como (mamã, papá, dá) e entende ordens simples como “dar tchau”.
• Deixe a criança no chão para que ela possa levantar-se e andar se apoiando.

Conclusão

Viu só, com essas dicas vai ficar muito mais fácil você estimular o desenvolvimento do seu bebê. Lembrando que cada bebê é um individuo único, com sua própria personalidade e ritmo de desenvolvimento e crescimento. E nunca é demais lembrar, em caso de dúvidas, procure seu pediatra.

*Fonte: Ministério da Saúde

Últimas postagens

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *